Auxílio Brasil, mais de 300 famílias em Palmeirândia-Ma receberão o benefício agora em janeiro.

A prefeitura de Palmeirândia comemorou o avanço obtido com o aumento das famílias cadastradas nos programas sociais no município, o prefeito Edilson destacou o...

- 06/01/2022 17h38 | atualizado em 6 de janeiro de 2022 as 17h57

A prefeitura de Palmeirândia comemorou o avanço obtido com o aumento das famílias cadastradas nos programas sociais no município, o prefeito Edilson destacou o empenho da gestão em buscar os recursos que estão à disposição através dos Programas Sociais a nível Federal e Estadual. “Temos feito de tudo para fazer com que nossa gente possa viver melhor, seja na esfera Estadual ou Federal, onde houver possibilidades de qualquer benefício a nossa gente, estaremos dedicando todo o nosso esforço para trazer. Palmeirândia deu um salto em termos de gestão pública, hoje o cidadão sabe que a prefeitura funciona. Fechamos o nosso primeiro ano de gestão com resultados positivos em todos os setores, saúde reestruturada com atendimentos regulares e diários, infraestrutura abrindo estradas, construído pontes, trazendo asfalto, levamos um apoio forte aos produtores distribuído kits de irrigação e colocando técnicos para acompanhar e orientar nossos produtores, resolvemos boa parte do problema de água que ao longo de muitos anos maltratou nossa gente e vamos fazer mais agora em 2022. Já começamos o ano com essa boa noticia onde mais de 300 famílias palmeirandenses irão receber o auxílio Brasil de 400 reais, a nossa gestão está empenhada em aumentar esse número de beneficiários” disse Edilson.
A Secretária de Assistência Social, alerta que para realizar o saque do seu benefício, os mais de 300 os beneficiários devem dirigir-se a Caixa Econômica ou usar o aplicativo Caixa Tem com documentos de identificação. A Secretaria ainda orienta, que as famílias contempladas devem manter o cadastro atualizado pelo prazo de até dois anos e deve procurar um posto de atendimento sempre que houver mudança de endereço, emprego e renda.

Deixe uma resposta